Início / Dicas Gerais / 10 Passos Para Uma Vida Paleolítica

10 Passos Para Uma Vida Paleolítica

Nós já compartilhamos aqui no blog várias filosofias da dieta paleolítica (dieta paleo), como nos artigos O Que é a Dieta Paleo e Porque Se Tornou Tão Conhecida? e 5 Dicas Para Fazer Uma Dieta Paleo. Sugiro você dar uma lida nestes 2 artigos antes de continuar esta leitura.

Bom, se já leu os artigos acima, gostaria de expandir este conceito e discutir os pontos abaixo que são muito importantes no estilo de vida de uma pessoa que segue uma dieta paleolítica.

Essas recomendações são gerais e básicas, mas são grandes passos para ter um estilo mais natural e na forma mais paleolítica possível.

10 Passos Para Uma Vida Saudável 

1. Consumir água potável, natural, de preferência filtrada: A água potável não tem cor, sabor ou cheiro e pode ser consumida sem qualquer perigo para a nossa saúde. No entanto, a água da torneira pode conter toxinas, bactérias, pesticidas, metais pesados ​​e produtos químicos.

A água de torneira contém cerca de 500 tipos diferentes de produtos químicos e estes são adicionados por empresas de serviços públicos, na tentativa de limpar e melhorar a água já contaminada pela poluição industrial. Portanto, atente-se ao filtro que irá usar e verifique se ele realmente está filtrando o que promete para você ficar o mínimo possível exposto(a) a esta contaminação.

2. Comer comida de verdade: Prefira sempre as frutas, legumes (mais vegetais do que frutas), produtos de feiras, óleo de coco, azeite de oliva, abacate, entre outros. Evite comer alimentos embalados, contendo uma longa e difícil lista de ingredientes difíceis de entender. Isto inclui evitar: óleos hidrogenados, corantes artificiais, conservantes artificiais, adoçantes artificiais, como xarope de milho, que é rico em frutose.

3. Durma bem: Este é um ponto fundamental. O corpo precisa de sono para funcionar bem durante o dia. Durante o sono é que haverá um processo de reparação e recuperação de energia de todo o organismo.

A falta de sono ainda têm muito a ver com a dificuldade de perda de peso e um sistema imunológico comprometido. É importante que você ajude seu corpo a “ter sono” mais rapidamente, evitando televisão, computador ou telas brilhantes perto do horário de deitar.

4. Evite toxinas: Provavelmente o ponto mais difícil de conhecer é como o ambiente em que vivemos está poluído. Nossos antepassados ​​só se preocupavam com as plantas e os animais peçonhentos. Já agora nos tempos atuais, temos que nos preocupar com metais pesados, produtos petrolíferos e uma extensa lista de ingredientes tóxicos em produtos de higiene pessoal e de limpeza.

Embora seja impossível evitar a exposição a contaminação, podemos minimizá-la, evitando o contato do alimento com locais contaminados, usar produtos naturais para cuidados pessoais e para limpeza doméstica.

dieta-paleo5. Exercício, mas com moderação: É vital colocar seu corpo em movimento. Se você não dorme o suficiente e/ou não pratica exercício físico, com certeza estará acumulando males a seu corpo para o médio e longo prazos.

Outro ponto que é importante considerar: Um bom exercício é medido de acordo com a sua qualidade e não quantidade. Ou seja, é mais eficaz fazer um treino curto de forma intensa, do que passar horas na esteira.

A técnica de crossfit pode ser uma excelente opção para alguns tipos de exercícios e que pode ser feito com alguns poucos minutos diários. Procure no Google que tem vários vídeos e artigos que falam mais detalhes sobre esta técnica.

6. Encontre a sua própria versão da dieta paleolítica: Como eu tinha dito antes, todo mundo é diferente e cada corpo tem necessidades específicas. É importante conhecer os alimentos que seu corpo não tolera bem e evitá-los.

Uma dieta de eliminação é um excelente recurso: eliminar a comida que é potencial para uma má saúde por cerca de 1 mês pode ser o ideal e prestar atenção em como seu corpo irá responder.

7. Inclua alimentos “super-poderosos”: Veja alguns desses alimentos que podem lhe ajudar: Fígado (alimento de alto valor nutricional), caldo de gelatina de origem animal, legumes (como a couve, que é excelente ) e tradicionalmente os alimentos fermentados. Estes últimos são de grande benefício para manter uma boa flora intestinal, como: iogurte (de preferência caseiro), chucrute e outros vegetais fermentados.

8. Escolha a melhor opção: Eu entendo que é impossível comer 100% de forma saudável em 100% do tempo. Mas, se possível, evite comer doces na maior parte do tempo. Evite também os corantes, açúcares, alimentos muito condimentados e alimentos cuja procedência seja desconhecida.

9. Encontre maneiras de gerir o stress: Para alguns, isso pode ser a oração, meditação, exercícios de relaxamento, como ioga, para citar alguns exemplos. É importante reservar alguns minutos por dia para a nossa saúde espiritual / mental. Doenças neurológicas crônicas, como Parkinson e Alzheimer estão ligadas ao excesso de stress. Já vi e ouvi muitas vezes sobre o enorme impacto que o estresse tem sobre o funcionamento do corpo humano. Portanto, cuide-se sempre.

10. Tratar a comida como ela merece: Vivemos em um mundo apressado, que muitas vezes coloca o trabalho acima do horário das refeições. O almoço é muito importante. Comer depressa poderá aumentar o estresse e causar uma série de problemas.

É por isso que é importante planejar e possivelmente cozinhar mais as refeições. A organização da sua alimentação é muito útil e necessária. Ele vai fazer com que você economize um monte de dinheiro, tempo e stress.

Ao cozinhar, seja sempre criativo(a) e não tenha medo de tentar algo novo!
Na hora do almoço, deixe 
o trabalho de lado para saborear a comida, mastigando devagar e apreciando cada mordida.

Com estes simples 10 passos sua vida se tornará muito melhor e sua dieta paleo ficará bem mais fácil de ser seguida.

Se você gostou deste artigo, com certeza irá se interessar pelo ebook oficial aqui do blog que possui mais de 100 receitas específicas da Dieta Paleo. Confira:

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.Campos obrigatórios devem ser preenchidos *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Vá para o topo